Pesquisar

Aproximando Gerações - Linha do Tempo

|   APROXIMANDO |   EVENTOS  |   LINHA DO TEMPO   |  

 

 

Um Clube com mais de 150 anos de história faz parte da vida de muitas gerações. E cada ambiente do Juvenil tem muitas histórias para contar. Assim como cada associado tem diversas lembranças dos momentos que viveu aqui.

Conte-nos a sua história! Mande uma foto e um breve texto do momento vivido em um dos espaços do Clube e construa conosco a sua linha do tempo no Juvenil.

Envie o conteúdo para comunicacao@juvenil.com.br.

Aproximando Gerações - Linha do Tempo
Aproximando Gerações - Linha do Tempo

Ana Moreno

Ana Moreno recebe homenagens Credito: Bragança de Bragança Photografias
Ana Moreno recebe homenagens Credito: Bragança de Bragança Photografias

 

 

Um ano para ficar na história. Assim foi 1998 para a associada Ana Moreno, que a partir de uma homenagem memorável propiciada por suas alunas, adiou o seu plano de concluir seu ciclo na ALJ. ‘Na época eu havia decidido dar um novo rumo a minha carreira, deixando a posição de professora da Academia do Centro Físico Ana Moreno para atuar somente na gestão da Empresa, porém o carinho da turma na minha despedida foi tão grande que acabei mudando a rota’, conta ela, referindo-se ao momento em que as alunas vestiram a camiseta ‘Ana 50’ e que um bolo foi trazido por Rosa Caldas - então diretora Social da ALJ. A surpresa foi tanta que a despedida acabou se tornando um motivo para permanecer com as aulas ministradas no Clube, adiando seu planejamento inicial. ‘Me emocionou muito e foi um dos dias mais importantes da minha vida no Juvenil’, recorda Ana, que, depois de 15 anos desse momento inesquecível, segue até hoje na ALJ, à frente da Academia que leva o seu nome, mantendo-se próxima e cultivando laços com diferentes gerações.

Maria Isabel Cirne Lima de Oliveira

Maria Isabel Cirne Lima de Oliveira (3ª pessoa da  Dir. para Esq.) lembra os bons momentos em família nos ambientes do Clube
Maria Isabel Cirne Lima de Oliveira (3ª pessoa da Dir. para Esq.) lembra os bons momentos em família nos ambientes do Clube

A infância e juventude da associada Maria Isabel Cirne Lima de Oliveira, conhecida como Be, esteve em contato direto com o Clube entre festas e jantares. A vida adulta chegou e ela precisou estar afastada por alguns anos. Entretanto, após formar sua grande família, desde 2000, Maria Isabel, seu marido Roberto, os seis filhos e nove netos desfrutam dos espaços do Clube. ‘Meus filhos jogam tênis e, inclusive, já participaram de grandes campeonatos, tanto que
a minha caçula Cristina conseguiu bolsa de estudos nos Estados Unidos e se formou na faculdade em Nova Iorque. Então, hoje de alguma forma estamos no Clube, seja na piscina, na academia ou no Studio do Brinquedo’, conta. Para estar próxima de todos, nada como um almoço em família. ‘Melhor ainda sendo na Associação Leopoldina Juvenil’, revela.

Jane Seadi Lipp

Jane Seadi Lipp
Jane Seadi Lipp

Mais que fatos registrados, momentos de felicidade que são o ponto de partida para uma vida duradoura e repleta de histórias. É dessa forma que a associada Jane Seadi Lipp enxerga as emoções vividas dentro da ALJ. ‘A história que faz parte de quem somos, do que defendemos e no que acreditamos é construída a partir de sentimentos despertados e transmitidos’, exalta ela, destacando a lembrança do Baile de Debutantes de 1992, quando sua filha, Juliane fez parte do lindo time de meninas que participaram dessa noite memorável. ‘Minha filha sempre afirma: o debut é um momento ímpar e representou muito na minha vida, posteriormente completado com o casamento e o nascimento da sua filha Giovanna’, lembra. Complementando, a filha, Juliane, destacou que nenhuma jovem na adolescência deve deixar de desfrutar dessa emoção que o Debut representa. ‘Foi um período de estabelecer amizades e aprendizados que nunca se esquece’, enaltece.
 

Jane ainda relembra outro momento marcante na vida da família nas dependências do Clube: o casamento de seu filho Fabio Seadi Lipp e Lauren Sá Lipp, em 2011. A associada faz referência a uma frase do filósofo Sócrates: ‘A verdadeira sabedoria, é saber que nada sabemos e que, portanto, devemos sempre estar em movimento’. E diante disso, ela e seu esposo Paulo, participam de todos os eventos importantes da ALJ, como foi a comemoração dos 155 anos no mês de junho deste ano.

Berenice Fontoura

Berenice Fontoura (na fila da frente, a primeira da dir. para a esq.)
Berenice Fontoura (na fila da frente, a primeira da dir. para a esq.)

Filha de sócios tenistas, frequenta a Associação Leopoldina Juvenil desde pequena. Entretanto, sempre morou longe do Clube, no bairro Ipanema, e por isso não vinha com frequência na ALJ. Lembra com saudades dos carnavais passados no Juvenil, os bailes infantis (nos quais o pai e a mãe faziam questão de trazê-la junto com toda família, que é bem grande).

 

Depois deste tempo, pouco vinha ao Clube, até começar a jogar tênis e voltar a frequentar a ALJ para jogar torneios internos e o Ranking, já adulta. Foi então que teve a oportunidade de participar de um torneio que considera maravilhoso, quando fez parceria com Marcelo Maciel e foram campeões, indo representar o Juvenil em Angra dos Reis (RJ). Hoje, tem a oportunidade de trabalhar dentro da ALJ, passando seus dias neste lugar, onde adora estar, viver, trabalhar e poder usufruir dos espaços todos os dias.

Créditos: Arquivo Pessoal
Créditos: Arquivo Pessoal

‘O sonho de uma pequena tenista’

Cristine Mittelstaedt. Desde os 10 anos, seu nome estava em jornais e ganhou destaque na cena do Tênis, adepta ao esporte após um jogo de frescobol com Tomás Koch. A família e amigos sempre estiveram junto nas suas conquistas, como o campeonato brasileiro de duplas em 1976, ao lado de Fernanda Puga. Hoje, participa de todos os campeonatos da ALJ, quando encontra amigos e pratica a paixão pelo Clube e pelo Tênis.

Créditos: Arquivo Pessoal
Créditos: Arquivo Pessoal

"Durante 37 anos a ALJ esteve e seguirá presente na minha vida!"
Desde 8 anos jogando juntas, Sabrina Giusto e Luciana Dela Casa ganharam títulos e amigos no Tênis ALJ. Sob comando do preparador físico António Marques, viveram momentos inesquecíveis nesta jornada.

O pedido de ‘namoro’ foi em uma festa de abertura das piscinas em 1983. Em 2016, na festa de 50 anos de Liliane Portal, ela e o marido, Luiz Augusto Portal, relembraram o momento: "Como não podia deixar de ser, fomos até aquele mesmo banco, onde tudo começou, onde houve o primeiro beijo e ali brindamos tudo de bom que a vida nos reservou". Passados 34 anos do evento Garden Party, o Juvenil continua parte da história do casal e de seus dois filhos.

 

Créditos: Arquivo Pessoal
Créditos: Arquivo Pessoal

Há 31 anos, inúmeros eventos como economato e emoções em família. Durante a comemoração de 2 anos da filha, Solano fechava o cardápio da Comenda do Abacaxi, um dos maiores eventos da época. A influência deu certo, hoje a filha faz parte da equipe! Duas filhas se casaram aqui. Considera o melhor clube da cidade e referência para outros clubes com uma central de eventos inovadora.

Créditos: Arquivo Pessoal
Créditos: Arquivo Pessoal

Três gerações compartilhando emoções e experiências
Começou com o avô José Brisolara Martins. Hoje, Bianca Peccin Martins e seu pai, Marcio Menna Barreto Martins, usam o Juvenil como ponto de encontro para exercícios físicos, comemorações e conversas no restaurante da piscina. Nas imagens grandes lembranças da debutante de 1998 e da sua festa de 30 anos em 2013. Aliás, segundo a Bianca, "a melhor festa é a celebração da vida com pessoas especiais."

Em 2007 e 2008 uma grande obra revolucionou a estrutura do clube construindo o Estacionamento Coberto, Piscina Coberta, Piscina Recreativa e novas quadras de tênis.

Jane Seadi Lipp

Jane Seadi Lipp
Jane Seadi Lipp

Mais que fatos registrados, momentos de felicidade que são o ponto de partida para uma vida duradoura e repleta de histórias. É dessa forma que a associada Jane Seadi Lipp enxerga as emoções vividas dentro da ALJ. ‘A história que faz parte de quem somos, do que defendemos e no que acreditamos é construída a partir de sentimentos despertados e transmitidos’, exalta ela, destacando a lembrança do Baile de Debutantes de 1992, quando sua filha, Juliane fez parte do lindo time de meninas que participaram dessa noite memorável. ‘Minha filha sempre afirma: o debut é um momento ímpar e representou muito na minha vida, posteriormente completado com o casamento e o nascimento da sua filha Giovanna’, lembra. Complementando, a filha, Juliane, destacou que nenhuma jovem na adolescência deve deixar de desfrutar dessa emoção que o Debut representa. ‘Foi um período de estabelecer amizades e aprendizados que nunca se esquece’, enaltece.
 

Jane ainda relembra outro momento marcante na vida da família nas dependências do Clube: o casamento de seu filho Fabio Seadi Lipp e Lauren Sá Lipp, em 2011. A associada faz referência a uma frase do filósofo Sócrates: ‘A verdadeira sabedoria, é saber que nada sabemos e que, portanto, devemos sempre estar em movimento’. E diante disso, ela e seu esposo Paulo, participam de todos os eventos importantes da ALJ, como foi a comemoração dos 155 anos no mês de junho deste ano.

Jane Seadi Lipp

Jane Seadi Lipp
Jane Seadi Lipp

Mais que fatos registrados, momentos de felicidade que são o ponto de partida para uma vida duradoura e repleta de histórias. É dessa forma que a associada Jane Seadi Lipp enxerga as emoções vividas dentro da ALJ. ‘A história que faz parte de quem somos, do que defendemos e no que acreditamos é construída a partir de sentimentos despertados e transmitidos’, exalta ela, destacando a lembrança do Baile de Debutantes de 1992, quando sua filha, Juliane fez parte do lindo time de meninas que participaram dessa noite memorável. ‘Minha filha sempre afirma: o debut é um momento ímpar e representou muito na minha vida, posteriormente completado com o casamento e o nascimento da sua filha Giovanna’, lembra. Complementando, a filha, Juliane, destacou que nenhuma jovem na adolescência deve deixar de desfrutar dessa emoção que o Debut representa. ‘Foi um período de estabelecer amizades e aprendizados que nunca se esquece’, enaltece.
 

Jane ainda relembra outro momento marcante na vida da família nas dependências do Clube: o casamento de seu filho Fabio Seadi Lipp e Lauren Sá Lipp, em 2011. A associada faz referência a uma frase do filósofo Sócrates: ‘A verdadeira sabedoria, é saber que nada sabemos e que, portanto, devemos sempre estar em movimento’. E diante disso, ela e seu esposo Paulo, participam de todos os eventos importantes da ALJ, como foi a comemoração dos 155 anos no mês de junho deste ano.

  

Frequentadores dos Salões do Clube ficaram ansiosos com a novidade: no ano 2000 foi instalada a Central de Ar, que mudou o figurino das festas no Juvenil.

textos
textos

Jane Seadi Lipp

Jane Seadi Lipp
Jane Seadi Lipp

Mais que fatos registrados, momentos de felicidade que são o ponto de partida para uma vida duradoura e repleta de histórias. É dessa forma que a associada Jane Seadi Lipp enxerga as emoções vividas dentro da ALJ. ‘A história que faz parte de quem somos, do que defendemos e no que acreditamos é construída a partir de sentimentos despertados e transmitidos’, exalta ela, destacando a lembrança do Baile de Debutantes de 1992, quando sua filha, Juliane fez parte do lindo time de meninas que participaram dessa noite memorável. ‘Minha filha sempre afirma: o debut é um momento ímpar e representou muito na minha vida, posteriormente completado com o casamento e o nascimento da sua filha Giovanna’, lembra. Complementando, a filha, Juliane, destacou que nenhuma jovem na adolescência deve deixar de desfrutar dessa emoção que o Debut representa. ‘Foi um período de estabelecer amizades e aprendizados que nunca se esquece’, enaltece.
 

Jane ainda relembra outro momento marcante na vida da família nas dependências do Clube: o casamento de seu filho Fabio Seadi Lipp e Lauren Sá Lipp, em 2011. A associada faz referência a uma frase do filósofo Sócrates: ‘A verdadeira sabedoria, é saber que nada sabemos e que, portanto, devemos sempre estar em movimento’. E diante disso, ela e seu esposo Paulo, participam de todos os eventos importantes da ALJ, como foi a comemoração dos 155 anos no mês de junho deste ano.

Créditos: Arquivo Pessoal
Créditos: Arquivo Pessoal

Guris do tênis
Há cerca de 8 anos, o tênis uniu uma amizade que promete ter muito tempo pela frente: MATHEUS CALEFFI, RAFAEL RUSCHEL, GUILHERME WILHELMS, MIGUEL KIELING  e JOÃO PEDRO CUNHA usam o envolvimento das quadras, viagens e confraternizações para cultivar bons momentos entre amigos.